quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Se eu for...

E se eu for,
Enquanto permaneceres aqui...
Saiba que continuo vivendo,
Vibrando em uma diferente medida...
Atrás de fino véu que você não pode ver diretamente.
Você não me verá,
Portanto precisa ter fé.
Espero pelo dia em que poderemos voar juntos novamente,
Ambos, cientes um do outro.
Até lá, viva sua vida ao máximo.
E quando precisares de mim,
Apenas sussurre meu nome em seu coração...
Eu estarei lá.

Corah Cooleen Hitchcock
Postar um comentário